Daniel da Costa Rodrigues

Informar e discutir notícias sobre profissionais portugueses
Responder
saraiva
Golfista
Mensagens: 242
Registado: sábado jan 19, 2019 3:55 am

Daniel da Costa Rodrigues

Mensagem por saraiva » sexta fev 15, 2019 5:35 pm

Post para informar e discutir a carreira de Daniel da Costa Rodrigues

Imagem
Última edição por saraiva em sexta fev 15, 2019 5:39 pm, editado 2 vezes no total.

saraiva
Golfista
Mensagens: 242
Registado: sábado jan 19, 2019 3:55 am

Re: Daniel da Costa Rodrigues

Mensagem por saraiva » sexta fev 15, 2019 5:36 pm

Daniel da Costa Rodrigues com exibição de antologia na coliderança do 89.º Internacional Amador de Portugal – Homens

O português Daniel da Costa Rodrigues está na coliderança do 89.º Internacional Amador de Portugal – Homens que decorre no Par 72 do Montado Hotel & Golf Resort.

Depois do resultado inaugural de 69 pancadas de ontem, o atleta da seleção nacional, de 16 anos, marcou hoje 67 para descolar dos 9.ºs para o 1.º lugar, empatado com o inglês Charles Thornton (66-70), ambos com um total de 136 (-8).

Foi uma exibição extraordinária do campeão nacional de sub-16, a proporcionar-lhe o melhor score do dia juntamente com o inglês Ben Schmidt e o espanhol Miguel Escolar.

Num dia em que o vento soprou com intensidade, “Dani” começou do 10 e perdeu três pancadas para o Par ao fazer bogey e duplo bogey nos buracos 13 e 14. Mas depois… cometeu a proeza de assinalar oito birdies nos 10 buracos seguintes, incluindo cinco consecutivos (18-1-2-3-4).

“A liderança, acho que é um lugar merecido, pelo que tenho jogado, e só quero que amanhã chegue e que consiga fazer o melhor resultado possível para depois no quarto dia conseguir levar a vitória para casa”, acrescentou o jovem craque do CG Miramar, que procura tornar-se o segundo português consecutivo a erguer o troféu, um ano depois do êxito de Vítor Lopes no mesmo campo.

saraiva
Golfista
Mensagens: 242
Registado: sábado jan 19, 2019 3:55 am

Re: Daniel da Costa Rodrigues

Mensagem por saraiva » domingo set 01, 2019 8:20 pm

Somou por vitórias os quatro encontros disputados no triunfo da Europa Continental.

Depois de Pedro Figueiredo em 2006 e de Pedro Lencart em 2017, Daniel Rodrigues tornou-se hoje o terceiro português a vencer o Troféu Jacques Léglise, pela equipa da Europa Continental, que bateu a Grã-Bretanha & Irlanda por 15,5-9,5, no Aldenburgh Golf Club, em Inglaterra.

Poderá dizer-se que “Dani”, tendo vencido os quatro encontros que disputou, algo que nenhum jogador conseguia desde 2016, foi mesmo o MVP (Jogador Mais Valioso) na 52.ª edição deste ‘match’ anual entre as seleções de ‘boys’ (Sub18 anos) da Europa Continental (sob a égide da EGA, Associação Europeia de Golfe) e da Grã-Bretanha & Irlanda (sob a tutela do R&A).

“Joguei como nunca do tee ao green, mas, o que é pouco habitual, o putting não esteve lá, apesar de não ter comprometido”, disse Dani ao Gabinete de Imprensa. “Desde o princípio que o objetivo era ganhar todos os matchs e cada um que passava deixava-me mais confiante de que o iria conseguir, mesmo sabendo que os meus adversários teriam um nível espantoso também.”

E continuando: “Estou muito orgulhoso de mim próprio e acho que foi sem dúvida dos melhores feitos que tive na minha vida desportiva e não dá para explicar o que se sente quando todos os membros da equipa vêm até ti dar-te os parabéns pela grande prestação que tiveste. Estou muito contente por ter podido dar este contributo à equipa e ter podido partilhar estes momentos mágicos com estes jogadores a meu lado! O espírito de equipa foi inigualáve!”

Na sua segunda participação consecutiva entre a elite de boys da Europa Continental, o campeão nacional amador contribuiu assim com quatro pontos em quatro possíveis para o triunfo da equipa visitantes. O ano passado, no Kytäjä Golf, na Finlândia, saiu vencedora a Grã-Bretanha & Irlanda.

Hoje, no segundo dia, a Europa Continental foi claramente superior, vencendo a sessão matinal de quatro encontros de pares em ‘foursomes’ por 3-1 e de tarde as nove partida de singulares por 6-3. Sexta-feira, no primeiro dia, houve mais equilíbrio, com um empate nos ‘foursomes’ (2-2) e vitória tangencial nos oito ‘singles’ (4,5-3,5).

Depois de no primeiro dia ter vencido ontem em pares ao lado do norueguês Bard Skogen, hoje Dani uniu forças com o espanhol David Puig, vencendo, como na véspera, no 18, por 2 up. De tarde, nos ‘singles’, bateu o irlandês Tom McKibbin e ganhou por 2/1 (ontem levara a melhor sobre o inglês Barclay Brown, por 3/2).

McKibbin acabou por ser a principal “vítima” do português, batido que foi por ele em três encontros, dois deles em pares.

http://www.golftattoo.com/pt/am/dani-hi ... es-leglise

A Europa Continental, capitaneada pelo francês Joachim Fourquet. recupera assim a posse do troféu que lhe pertenceu em 2016 e 2017 e a hegemonia no encontro, somando três triunfos nas últimas quatro edições.

Dani foi um dos quatro repetentes do conjunto continental em relação a 2018, a par do espanhol David Puig, do sueco Adam Wallin e do suíço Loic Ettlin. Os restantes elementos foram os franceses Charles Larcelet e Tom Vaillant, o espanhol Alvaro Mueller-Baumgart, o italiano Matteo Cristoni e o norueguês Bard Skogen.

saraiva
Golfista
Mensagens: 242
Registado: sábado jan 19, 2019 3:55 am

Re: Daniel da Costa Rodrigues

Mensagem por saraiva » terça set 03, 2019 3:15 pm

Imagem

saraiva
Golfista
Mensagens: 242
Registado: sábado jan 19, 2019 3:55 am

Re: Daniel da Costa Rodrigues

Mensagem por saraiva » terça set 03, 2019 3:18 pm

A presença de Daniel Rodrigues no The Boys Amateur Championship, no East Course do Saunton Golf Club, terminou ao final da tarde com a sua eliminação nos oitavos de final, exatamente a mesma fase a que chegara na edição anterior, em 2018. Pelo segundo ano seguido, ficou entre os últimos 16 concorrentes, num ‘major’ mundial de Sub18 que conta com 252 atletas à partida.

O campeão nacional amador foi batido pelo inglês Craig Passmore no 19.º buraco, o primeiro do play-off. Um final inglório para ele, já que seguia com três buracos de desvantagem com apenas seis buracos por jogar, tendo conseguido recuperar a ponto de empatar o encontro no “tempo” regulamentar. De manhã, nos 16 avos-de-final, havia batido o espanhol Alejandro Rodriguez, por 4/2.

Foi mais uma forte participação da parte de Dani, passando a fase de stroke play e eliminando três oponentes no match play antes de perder frente a Passmore num encontro que podia ter caído para qualquer um dos lados. E para o ano estará de volta para tentar segurar finalmente um troféu que já foi conquistado por dois portugueses, Pedro Figueiredo (2008) e Pedro Lencart (2017). Valor para isso, já todos sabem, não lhe falta.

Gabinete de Imprensa da FPG

Lisboa, 16 de agosto de 2019

Responder